.comment-link {margin-left:.6em;} <$BlogRSDUrl$>

quarta-feira, 14 de março de 2007

«Fraquinhos» 

Para já, fica ali a soar na grafonola a «Glória do Mundo», dos Heróis do Mar, em jeito de antecipação do tema de um post que tenciono escrever amanhã, se tiver tempo. Antecipo já que é a minha música preferida destes senhores, porque sou mais ou menos imune a injecções como aquela que levámos há uns tempos do «Só Gosto de Ti». E sim, eu gosto, e muito, da música dos Heróis do Mar, pelo som, pelo talento de quem a fez, pela época que marcou, pela ousadia, pela originalidade, etc., etc., etc.. Os Heróis do Mar são, indiscutivelmente, uma das maiores bandas portuguesas, por isso, por favor, tenham a amabilidade de poupar quem deles gosta, como é o meu caso, ao paleio repassado do nacionalismo, blá, blá, blá. Merci bien.

Quando ouvi pela primeira vez a «Glória do Mundo», tinha um «fraquinho» pelo Pedro Ayres Magalhães. Felizmente, passou-me. Se naquela altura pudesse antever o génio que o rapaz haveria de revelar-se, provavelmente ter-me-ia apaixonado «de caixão à cova». Nunca cheguei a apaixonar-me pelo Ayres Magalhães, nem pelo Fernando Cunha, nem pelo Ricardo Carriço, nem pelo empregado do vizinho da frente dos meus avós. Por esses só tive uns «fraquinhos» que duraram mais ou menos tempo. Quando me apaixonei «de caixão à cova» pela primeira vez já era uma mulherzinha (e ela também). É precisa uma certa dose de maturidade para enlouquecer de amor.

Já lá vem a tempestade,
Ouço o vento a soprar
A soprar atrás dos montes
Ah quem me dera saber
Se a chegada anunciada
Noite da libertação
Se estes ventos a cantar
São o fim da escuridão
Atrás de nós não ficou nada.

A glória do mundo, aleluia!
Está no mistério do senhor.
A glória do mundo, aleluia!
Salvé no reino do amor!
Amanhã de madrugada
As crianças a brincar
A brincar naquela praia
Oh quem me dera saber
Se vão ver sorrir o sol
Sobre o céu do meu país,
Ver o rei por entre as rosas
O império que Deus quis.
Atrás de nós não ficou nada.

A glória do mundo, aleluia!
Está no mistério do senhor.
A glória do mundo, aleluia!
Salvé no reino do amor!

Comentários: Enviar um comentário


Links to this post:

Criar uma hiperligação

Somos altos, baixos, magros, gordinhos, extrovertidos, introvertidos, religiosos, ateus, conservadores, liberais, ricos, pobres, famosos, comuns, brancos, negros... Só uma diferença : amamos pessoas do mesmo sexo. Campanha Digital contra o Preconceito a Lésbicas, Gays, Bissexuais e Transgéneros. O Respeito ao Próximo em Primeiro Lugar. Copyright: v.


      
Marriage is love.


This page is powered by Blogger. Isn't yours?

referer referrer referers referrers http_referer