.comment-link {margin-left:.6em;} <$BlogRSDUrl$>

sábado, 5 de novembro de 2005

Tanto tão perto tão real 

Em todas as ruas te encontro

Em todas as ruas te encontroMário Cesariny de Vasconcelos
em todas as ruas te perco
conheço tão bem o teu corpo
sonhei tanto a tua figura
que é de olhos fechados que eu ando
a limitar a tua altura
e bebo a água e sorvo o ar
que te atravessou a cintura
tanto tão perto tão real
que o meu corpo se transfigura
e toca o seu próprio elemento
num corpo que já não é seu
num rio que desapareceu
onde um braço teu me procura

Em todas as ruas te encontro
em todas as ruas te perco



Mário Cesariny de Vasconcelos



Na passada quinta-feira, dia 3 de Novembro, foi atribuído pela Associação Portuguesa de Escritores o Prémio Vida Literária a Mário Cesariny de Vasconcelos (n. 9.VIII.1923). Que assim tenha sido, não causará espanto a quem conheça a obra do autor, principal representante do surrealismo português, mas se pensarmos que, até então, Cesariny nunca havia sido galardoado enquanto poeta, talvez este prémio se revista de maior importância do que à partida possa pensar-se. Inteiramente merecido, portanto, pecando embora por tardio. Enfim, antes agora do que jamais.

Via Da Literatura


Principais obras de Mário Cesariny de Vasconcelos

Corpo Visível (1950) Frontispício de «O Virgem Negra» (1989), de Mário Cesariny de Vasconcelos
Discurso sobre a Reabilitação do Real Quotidiano (1952)
Louvor e Simplificação de Álvaro de Campos (1953)
Manual de Prestidigitação (1956)
Pena Capital (1957)
Alguns Mitos Maiores e Alguns Mitos Menores Postos à Circulação pelo Autor (1958)
Nobilíssima Visão (1959)
Poesia (1961)
Planisfério e Outros Poemas (1961)
Um Auto para Jerusalém (1964)
A Cidade Queimada (1965)
Burlescas, Teóricas e Sentimentais (1972)
Titânia... (1977)
Primavera Autónoma das Estradas (1980)
O Virgem Negra (1989)

Comentários: Enviar um comentário


Links to this post:

Criar uma hiperligação

Somos altos, baixos, magros, gordinhos, extrovertidos, introvertidos, religiosos, ateus, conservadores, liberais, ricos, pobres, famosos, comuns, brancos, negros... Só uma diferença : amamos pessoas do mesmo sexo. Campanha Digital contra o Preconceito a Lésbicas, Gays, Bissexuais e Transgéneros. O Respeito ao Próximo em Primeiro Lugar. Copyright: v.


      
Marriage is love.


This page is powered by Blogger. Isn't yours?

referer referrer referers referrers http_referer