.comment-link {margin-left:.6em;} <$BlogRSDUrl$>

sábado, 30 de julho de 2005

Tudo o que sempre quis saber sobre homossexualidade. 

Tem dúvidas sobre a homossexualidade? Gostaria de ser esclarecid@ por quem tem um profundo conhecimento da questão em vez de se limitar a acreditar no que tentam impingir-lhe? Procura respostas que lhe permitam formar um opinião esclarecida sobre o tema? Então, seja qual for a sua orientação sexual, este é um livro que não poderá deixar de ler.

Será Uma Opção? Tudo o que sempre quis saber sobre homossexualidade.Publicado nos E.U.A. em 1999 (a terceira edição sairá em Outubro de 2005), Is it a Choice? chega agora aos escaparates das livrarias portuguesas pela mão da Editora Sinais de Fogo, sob o título Será Uma Opção? Tudo o que sempre quis saber sobre homossexualidade.
O livro, que poderá ser adquirido por €17,00, conta 296 páginas, nas quais "Eric Marcus proporciona respostas profundas, sem lugares comuns, a centenas das perguntas mais colocadas acerca da homossexualidade. Oferecendo uma visão franca de tudo o que você sempre quis e precisou de saber acerca de relacionamentos, da revelação, dos papéis familiares, da política e de muito mais, incluindo:

- Como é que uma pessoa sabe se é homossexual?
- O que deve uma pessoa fazer se o filho ou filha for homossexual?
- Pais homossexuais criam filhos homossexuais?
- Se pensa que um amigo seu é homossexual, o que deve fazer?
- Porque é que os homossexuais querem casar?"
(1)

Pronunciando-se sobre este livro, leiam-se as palavras do tetracampeão olímpico de saltos para a água Greg Louganis (cuja biografia, intitulada Breaking The Surface, foi também escrita em co-autoria com Eric Marcus):
«Is it a Choice? foi muito importante para mim. É um livro que recomendo entusiasticamente a muitos homossexuais e pessoas que lhes são queridas.»

Para aguçar a curiosidade, aqui fica um excerto da obra:

«É uma opção? (...)

Gostava que houvesse uma resposta simples, elucidativa desta questão, mas dizer «Não, não é uma opção» não responde totalmente à pergunta. Há, obviamente, aqueles que insistem na ideia de que há uma resposta simples a esta questão: «Sim, os homossexuais escolhem de livre vontade ser
gay de forma a desafiar normas religiosas e culturas religiosas.» (...)
Os homossexuais não escolhem os sentimentos de atracção sexual, tal como os heterossexuais não escolhem os seus. Todos nós tomamos consciência dos nossos sentimentos de atracção quando crescemos, sejam esses sentimentos para alguém do mesmo sexo, do sexo oposto ou de ambos os sexos. Para os
gays e as lésbicas, a única escolha real reside em reprimir esses sentimentos de atracção pelo mesmo sexo – e fingir ser assexuado ou heterossexual – ou viver a vida emocional e fisicamente cheia de um homem ou mulher gay

(1) Informação promocional do livro.
Nota: Tomei conhecimento do lançamento deste livro através da
rede ex aequo.

Comentários:
I''m not familiar with this subject but interesed.
 
Enviar um comentário


Links to this post:

Criar uma hiperligação

Somos altos, baixos, magros, gordinhos, extrovertidos, introvertidos, religiosos, ateus, conservadores, liberais, ricos, pobres, famosos, comuns, brancos, negros... Só uma diferença : amamos pessoas do mesmo sexo. Campanha Digital contra o Preconceito a Lésbicas, Gays, Bissexuais e Transgéneros. O Respeito ao Próximo em Primeiro Lugar. Copyright: v.


      
Marriage is love.


This page is powered by Blogger. Isn't yours?

referer referrer referers referrers http_referer