.comment-link {margin-left:.6em;} <$BlogRSDUrl$>

terça-feira, 12 de outubro de 2004

Fui só eu... 

... ou V. Ex.as também ouviram o senhor deputado socialista Manuel Alegre dizer ontem, em directo, no programa da RTP Prós & Contras que a direita considera a homossexualidade uma inversão sexual, enquanto a esquerda a considera uma escolha?!

Uma tirada destas mereceu-me um aplauso, uma gargalhada e um profundo pesar... é que frases assim só demontram o quanto a sociedade portuguesa desconhece a realidade lgbt: totalmente! Enquanto a homossexualidade for vista pelos "fazedores de leis", vulgo, deputados, como uma escolha e não como uma dimensão do direito à autodeterminação e à identidade sexual do indivíduo, nada, absolutamente nada será feito para modificar o panorama legislativo e social português.

Alegre esteve francamente mal. Pior do que ele, só Nuno Magalhães, representante do CDS/PP - ingénuo e também a falar daquilo que desconhece. Luís Osório não comentou, limitou-se a bajular cegamente, mas isso já não é novidade. Pedro Lomba concluiu com uma verdade La Palissiana: a direita não sobrevive sem a esquerda, nem a esquerda sem a direita. Brilhante!

Quanto à referência aos casamentos homossexuais explicitamente anunciada no spot publicitário do programa, nem vê-la... Fátima Campos Ferreira não trouxe, sequer, a questão para cima da mesa, e os participantes limitaram-se a invocar sempre a questão do aborto para expôr as diferenças entre a esquerda e a direita. Curiosamente, nestas coisas do aborto têm-se apelado mais à convicção pessoal de cada um (daí que tanto se invoque o referendo), do que a uma postura de responsabilização estadual e social face ao drama que este assunto ainda constitui, mas este foi o melhor exemplo que os intelectuais presentes encontraram.

Para a semana, infelizmente, haverá mais...

Comentários: Enviar um comentário


Links to this post:

Criar uma hiperligação

Somos altos, baixos, magros, gordinhos, extrovertidos, introvertidos, religiosos, ateus, conservadores, liberais, ricos, pobres, famosos, comuns, brancos, negros... Só uma diferença : amamos pessoas do mesmo sexo. Campanha Digital contra o Preconceito a Lésbicas, Gays, Bissexuais e Transgéneros. O Respeito ao Próximo em Primeiro Lugar. Copyright: v.


      
Marriage is love.


This page is powered by Blogger. Isn't yours?

referer referrer referers referrers http_referer